Mensageiro Sideral

De onde viemos, onde estamos e para onde vamos

 -

Salvador Nogueira é jornalista de ciência e autor de 11 livros

Perfil completo

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Os pontos de Ceres, em alta definição!

Por Salvador Nogueira

A Nasa acaba de divulgar imagens em alta resolução dos pontos brilhantes em Ceres e, adivinhe só, eles são compostos de numerosos pontos menores! É mais uma surpresa na investigação desse mistério intrigante descoberto no planeta anão residente no cinturão de asteroides entre Marte e Júpiter.

Imagem obtida pela sonda Dawn de Ceres a 13.600 km de altitude. Cada pixel representa 1,3 km. (Crédito: Nasa)
Imagem obtida pela sonda Dawn de Ceres a 13.600 km de altitude. Cada pixel representa 1,3 km. (Crédito: Nasa)

A coisa vai ficando mais e mais esquisita. “Os cientistas da Dawn podem agora concluir que o intenso brilho desses pontos é causado pela reflexão da luz solar por material altamente reflexivo na superfície, possivelmente gelo”, disse Christopher Russell, cientista-chefe da missão.

Por ora, a avaliação dos pesquisadores coincide com a expectativa do público — enquete realizada pela Nasa sugeria que quase um terço dos internautas apostava em gelo como a explicação mais provável. A única explicação que teve mais votos sugeria uma origem misteriosa, ainda não sugerida. (“Aliens?” :-)) Análises espectroscópicas devem acabar confirmando a composição do material, mas o enigma estará longe de resolvido. Falta explicar como se formaram todas essas manchas separadas — trabalho duro para os cientistas planetários.

Para ver uma animação que mostra a rotação de Ceres, clique aqui.

E podemos esperar imagens com mais resolução com o avançar da missão da Dawn — ela está agora orbitando a 13,6 mil km da superfície de Ceres, mas irá se aproximar mais no futuro para obter imagens com resolução cada vez maior. Ainda tem muita coisa boa pela frente. E gelo exposto, por si só, é algo muito interessante. No mínimo, confirma uma ideia sugerida pelo Mensageiro Sideral antes da chegada da Dawn, de que Ceres seria um ótimo posto avançado para reabastecimento em missões aos planetas exteriores. Água serve não só para o consumo direto por humanos, mas também pode ser convertida em oxigênio (O2) para a respiração e hidrogênio molecular (H2) para combustível.

Acompanhe o Mensageiro Sideral no Facebook e no Twitter

Blogs da Folha