China define local de pouso da próxima sonda lunar

A China anunciou aonde pretende enviar sua próxima missão lunar não tripulada: o Mons Rümker, uma região rica em rochas vulcânicas quase na divisa entre o lado próximo e o lado afastado da Lua.

Até o fim deste ano, deve pousar lá a sonda Chang’e 5, a primeira do programa chinês a colher amostras do solo lunar e trazê-las de volta à Terra.

A missão é extremamente audaciosa e serve como precursora para o futuro envio de astronautas chineses — ou taikonautas, como se diz no Ocidente — à superfície da Lua.

Isso porque, diferentemente de todas as missões de retorno automatizado de amostras (realizadas até hoje somente pela antiga União Soviética), a Chang’e 5 não envolve um regresso direto do solo lunar à Terra. Em vez disso, o módulo de ascensão da superfície da Lua fará um encontro e acoplamento com um módulo de retorno em órbita lunar — exatamente como foram realizadas as missões tripuladas americanas do projeto Apollo, entre 1969 e 1972.

Os veículos chineses são menores, claro, uma vez que não precisam comportar astronautas. Mas são quase um modelo em escala reduzida do que poderia ser um plano tripulado de exploração lunar chinês.

O anúncio oficial dos planos para a Chang’e 4 foi feito durante a Conferência Global para Exploração Espacial, realizada em Pequim. Na mesma ocasião, Yang Liwei, primeiro astronauta chinês e vice-diretor do programa espacial tripulado de seu país, anunciou que a China já começou estudos preliminares para o envio de humanos ao solo lunar.

Antes disso, contudo, o programa chinês verá um surto de atividade, com dois lançamentos tripulados por ano a partir de 2020. Os chineses esperam iniciar a construção de sua própria estação espacial em 2019.

E os mais atentos podem se perguntar: e a Chang’e 4, que não voou?

O jipe Yutu fotografa o módulo da Chang’e-3, que o trouxe até a Lua em 2013. (Crédito. CNSA)

A sonda — uma virtual réplica da Chang’e 3, com direito a jipe robótico — de início seria apenas uma reserva, caso sua gêmea falhasse. Mas, com o sucesso, ela se tornou uma missão ainda mais audaciosa, que deve realizar o primeiro pouso da história no lado afastado da Lua, em 2018. O local exato ainda não foi definido, mas marcará o momento em que os chineses, pela primeira vez, farão no espaço algo jamais realizado antes.

E ninguém duvida que esse possa ser apenas o começo.

Acompanhe o Mensageiro Sideral no Facebook, no Twitter e no YouTube

Comentários

  1. O Brasil não está perdendo tempo e dinheiro se envolvendo em viagens espaciais. Como todo mundo sabe um ser vivo não pode passar pelo cinturão de von ralen. Deixo o comentário em homenagem ao atual nível científico que administra a C&T no nível federal. Devem pensar coisas mais ou menos no estilo.

  2. Salvador, parabéns pelo ótimo desempenho no programa “Conversa com Bial”. Gostei muito.

  3. Salvador, primeiramente gostaria de agradece-lo pela quantidade de informação que compartilha conosco. Aprendo muito com voce.

    E segue minha pergunta: sempre que leio noticias sobre china se envolver em lançamentos espaciais, coreias, japao e até mesmo brasil, me preocupo com a quantidade de lixo espacial que é despejado em nossa orbita proxima sem que seja readmitido na atmosfera. Voce saberia me explicar se isso ja é uma preocupacao internacional a ponto de todo lancamento ter que obedecer determinados procedimentos, ou é “cada um com seus problemas”?

    1. Existem normas internacionais ditados por tratado. Mas a China, um player importante, não é signatária. A maioria dos países que realizam lançamentos são. Comentamos sobre isso, Lucas e eu, na transmissão do último lançamento da SpaceX. O problema do lixo espacial é real e crescente, mas ainda não é incontornável. Já preocupa, contudo.

  4. SÓ espero que eles se deparem com a civilização de Mare Moscoviense cratera believe ,e acabem com este “TOP SECRET “. de uma vez por todas.
    Quem sabe tenham a sorte de um contato, ou de fazerem , uma tecnologia reversa de alguma nave Lunariana.

    1. Vicente, com a permissão do mestre Salvador, gostaria de responder sua pergunta com outra pergunta. Quando você tira fotos da Lua Cheia as estrelas costumam aparecer nos cromos? Até hoje não consegui nenhuma foto das muitas que tirei da Lua onde as estrelas também aparecessem.

  5. Este pouso no lado oculto da Lua deve envolver algum satélite para as transmissões entre o módulo de pouso e a Terra, não é?

  6. Olá Salvador, é reconfortante saber que a Lua está voltando ao mapa. Afora a vetorização da comunicação, quais seriam as diferenças técnicas ou científicas de um pouso no lado oculto do satélite? Esse ineditismo não deve revelar algo de novo ou grandioso, deve apenas trazer ganho de aprimoramento com o aumento da dificuldade. A não ser, claro, que nos enviem fotos das bases secretas do outro lado (sim, porque os radicais estão nas duas pontas – os “além”, da tese acima, e os “aquém”, para os quais nem fomos pra Lua)

    1. O lado afastado é geologicamente bem diferente do lado próximo e devemos ter um ganho científico em estudá-lo em solo. Mas não, não teremos bases alienígenas. 😛

  7. Salvador, não fique bravo comigo, mas não poderia deixar de perguntar: O MS acredita nas cortes superiores brasileiras?

    1. Pergunta delicada. Digamos que acredito em alguns dos membros das cortes superiores brasileiras — pela simples presunção da inocência — e desacredito de outros. Quanto ao resultado que motivou a pergunta, vindo do TSE, acho vergonhoso.

    2. Não gosto desse tipo de assunto, mas vou me arriscar dessa vez. Não para tentar responder, mas apenas para tentar fazê-lo pensar mais ainda.

      1. Quais integrantes das supremas cortes, não foram indicados por políticos ?
      2. Quais políticos(presidentes) que indicaram esses juízes, são dignos de nossa admiração pela sua honestidade intrínseca ?
      3. Com quem andam, andaram, viajam, viajaram, ou quantas e quais causas já defenderam em suas jornadas ?
      4. Qual o percentual de juízes/advogados/promotores/desembargadores, ou até mesmo estudantes de direito em seus últimos períodos, não são contaminados pelo péssimo cheiro que permeia os tribunais, onde todos fazem mais apresentações teatrais para distorcer e burlar as leis, do que para cumpri-las em sua essência ?
      5. Quanto ganha um advogado renomado e experiente no mercado, em comparação com o salário e benefícios de um juiz de suprema corte ?

      As perguntas acima são para reflexão sobre o comportamento dos outros.

      Agora vai uma para cada um perguntar a si mesmo, a exemplo do prudente Salvador:

      O que me faz acreditar mais em uns juízes, que em outros ?

      Em minha opinião, devemos observar um fato intrigante, que é o seguinte: Nos EUA, considerado um país onde a justiça funciona, a honestidade dos advogados é piada corriqueira.

      Se lá é assim, por que aqui seria melhor ?

      Temos 3 poderes oficiais no Brasil, e um poder maior, que é nossa imprensa unilateralmente tendenciosa.

      O executivo e o legislativo já são bombardeados no quarto poder(imprensa) todo santo dia.

      O que nos levaria acreditar que seria possível termos um judiciário menos corrupto que o legislativo e executivo ?

      Seriam os juízes, Marcianos ?

      1. Acho suas ponderações pertinentes. Mas há aí uma diferença entre Executivo, Legislativo e Judiciário que é importante. Para se chegar ao poder no Executivo ou no Legislativo, a única rota é o sistema político-eleitoral, que, como vimos, é inerentemente podre, nas bases em que está assentado no Brasil. Um político eleito pode até não ser ladrão, mas foi eleito com dinheiro roubado de campanha, quase com certeza. No Judiciário, a entrada se dá por concurso público, o que em tese é um mecanismo menos passível de trapaça.

        Você aponta muito bem que, da entrada no Judiciário à chegada ao topo da carreira — a Suprema Corte –, há de se passar pelos poderes mais contaminados, por assim dizer, uma vez que a indicação para uma cadeira no STF parte do Executivo. Ou seja, na Suprema Corte, paradoxalmente, teríamos, em tese, mais razões para desconfiar da idoneidade dos juízes do que na primeira instância. Por isso o Sergio Moro é tecnicamente (para não dizer moralmente) é muito melhor que o Dias Toffoli, um membro do STF que falhou em passar em concurso para juiz de primeira instância em diversas ocasiões e foi alçado direto para a mais alta esfera do Judiciário por Lula. Toffoli que, pasme, tinha como única qualificação profissional ter sido advogado do PT.

        Moral da história: não há razão para crer que a corrupção não corra solta no Judiciário. Corre, e como corre. Mas ela é menos inevitável do que nos outros poderes, pelo fato de haver um sistema de carreira, estabilidade e de controle de acesso. A corrupção no Executivo e no Legislativo foi, ao menos até hoje, questão de sobrevivência; no Judiciário, é questão de gosto.

        1. ” Por isso o Sergio Moro é tecnicamente (para não dizer moralmente) é muito melhor que o Dias Toffoli, um membro do STF que falhou em passar em concurso para juiz de primeira instância em diversas ocasiões e foi alçado direto para a mais alta esfera do Judiciário por Lula.”

          Salvador,
          Seu raciocínio estaria corretíssimo, não fosse por um detalhe que veio a público: Aquela foto do Moro cochichando ao pé do Aécio, significa, ao menos pra mim, que caso o Aécio houvesse sido eleito, teria indicado o Moro pro STF. O Moro no STF continuaria a fazer o que tem feito em Curitiba: Prender uma quadrilha, e proteger a outra. Ele seria o Toffoli do PSDB. E para formar um bom juízo a respeito da “moral” do Moro, seria bom pesquisar e ler a argumentação dele, quando foi advogado defensor de um dos acusados de lavagem de dinheiro do caso Banestado. Eu não li ainda.
          Mas ao ficar de cochichos ao pé do ouvido de um conhecido bandido, a respeito do qual ele já havia ouvido 500 delatores afirmarem que era ladrão, se tivesse uma nobre moral, manteria uma discreta distância e frieza, ainda que cordial.
          Eis a minha preconceituosa tese: Qualquer aluno da faculdade de direito que, havendo concluído o segundo semestre, assim que voltasse à faculdade para se matricular no terceiro período, já poderia ser preso, porque já estaria mal intencionado.

          1. Você imagina coisas. Aécio é conhecido por ser contador de causos. Há fotos da Dilma rindo com ele também. É sinal de que ele a teria indicado para ministra no governo dele? 😛

          2. Eu imagino algumas coisas. Você imagina outras. É assim que funciona. É por isso que pessoas diferentes acreditam em coisas diferentes, mesmo que tenham visto o mesmo fato. Aécio estava de costas para o Moro. Se ele conta “causos” poderia contar alguns pro Michel Temer também que continuava com aquela cara de bunda, bem à frente dele.

            Se o capitão Nascimento(Tropa de Elite) encontrasse o Fernandinho Beira-Mar em um evento, e ele ficasse contando causos, você acha que o Capitão Nascimento ficaria de cochichos ao pé do ouvido dele ?
            Eu não ficaria. Mas é assim mesmo que acontece. É por isso que cada um escolhe acreditar em algumas vertentes, dependendo de sua própria preferência, orientação, crença, ou até pirraça.

            E cientificamente isso é até bom, porque muitas descobertas vieram justamente das teses e pelos meios mais improváveis.

      2. Eu também já achei suspeitíssimo o Salvador conversando normalmente com figuras estranhas do blog, como Gilberto Pessagno e nem por isso deixei de seguir o site ou por em dúvida a isenção dele hehe.
        Não tem jeito, parece coisa do nosso DNA mesmo interagir 😛

        1. Também acho que o Salvador está(foi) convencido pelo bertinho.
          Está Duo-Hexacimal 6×2=12 Apogeu,Perigeu em Peixes com hercólubus em nêmesys, viajando na maionese! rsrs

      3. A questão da honestidade dos advogados, do mundo todo, para mim, já está respondida pelo simples fato de que eles não buscam a verdade, mas a vitória, e que os mais célebres são famosos pelas suas estratégias forenses, não pela real solução dos casos em que participam.

        1. A questão é, o sistema, para ser justo, precisa de advogados que queiram a vitória. Cabe ao juiz ser justo. Advogados, por definição, são parciais. E têm de ser parciais, para a balança se equilibrar (afinal, temos advogados de acusação e defesa, com o juiz no meio).

          1. Só que eles recorrem a firulas jurídicas para anular provas irrefutáveis de crime. Para eles, a vitória é libertar o réu, mesmo que ele seja o pior dos criminosos. Se fossem honestos, eles pleiteariam culpa para o réu e procurariam diminuir as penas, mas haveria alguma penalização.

            Uma curiosidade: estão culpando o casal Santana por ter recebido dinheiro escuso como pagamento de seus serviços de publicidade, mas ninguém questiona a origem do dinheiro que é pago aos advogados dos políticos, regiamente pagos, aliás.

  8. Dentre os países do grupo econômico da BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), a China já é um país que está dominando a tecnologia aeroespacial. Além de lançar sonda na lua, o projeto inclui a construção de uma estação espacial própria. A construção de um observatório astronômico com gigantesco rádio-telescópio (FAST) em funcionamento, com finalidade de detectar sinais e descobrir civilizações alienígenas também é notória. Este ainda visa obter mais conhecimentos sobre a evolução das estrelas. Sendo assim, a China pode até surpreender nos próximos anos, muitos países que estão à frente da corrida espacial como os EUA e a rússia, com sua economia em ascensão sem precedentes.

    1. BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul).
      não existe mais BRICS o brasil já saiu.
      Só ficou os RICS.

  9. nesse pouso no lado afastado a sonda ficaria completamente sem comunicação com a Terra no final do processo?

  10. Salvador,
    A China também tem algum plano de utilizar foguetes retornáveis a lá Space X? Seria uma mão na roda para quem planeja realizar várias missões no espaço não?

    1. Não que eu saiba. Por enquanto, eles dominam só a tecnologia dos funcionários descartáveis… rs

  11. A China já desponta como uma potência mundial, isto é inquestionável. Creio que com o governo Trump depredando o patrimônio de boas relações dos Estados Unidos com as demais nações do planeta, a América pode passar a ser vista pela humanidade, da mesma forma que a ALEMANHA NAZISTA ERA VISTA. O TEMPO DIRÁ.

    1. Os orientais são, em geral, determinados e disciplinados. Graças a essa cultura, eles só tendem a prosperar no mundo. Vide Japão, Coréia do Sul, Taiwan, Cingapura, Hong Kong… A China se atrasou por causa do comunismo, mas agora que o puseram de lado (“enriquecer é glorioso” disse seu presidente), vão tirar o atraso rapidamente.

      Nós, brasileiros, na maioria, não toleramos regras e preferimos sombra e água fresca. Só queremos direitos e não deveres… nunca teremos vez no mundo.

  12. Essa foto aí em cima é tão parecida com as fotos que a NASA divulgou de seus astronautas passeando na lua… será que os chineses contrataram a mesma equipe que produziu a “farsa” americana rsrsrs?

      1. O módulo lunar, na foto, não parece mais baixo do era? Ou é apenas a parte inferior, depois que eles se relançaram ao espaço?

        1. Acho que você está se confundindo, não? No post, só tem o módulo lunar chinês, não tripulado. (Não vejo o contexto da conversa, então você pode estar se referindo a algo nos comentários…)

        2. Rad, a foto do topo (a Lua e o espaço) foi feita pela Apollo 15, a foto de baixo, do módulo, é chinesa. 🙂

          1. Valeu, Eu(TM) e Salvador… Eu acabei me confundindo, também, pelo comentário, apesar de ter o post e as fotos disponíveis… Achei que o Rafa se referia à foto do módulo e misturei tudo. Revendo com cuidado, graças às suas respostas, percebi meu engano. Grande abraço aos três!

    1. Será que eles vão conseguir romper o domo? O da ignorância no qual tu se encontra é o mais difícil de ser rompido.

    2. E a terra é plana e seu GPS funciona via ondas mentais… Pelamor… Ainda vem aqui comentar…

  13. Muito bacana, espero que a humanidade venha construa uma base permanente na Lua já na próxima década. Quem sabe o Chineses não sejam os primeiros a construir uma base permanente lá?

  14. Acho tudo isso ótimo… Se for criada uma concorrência no espaço melhor ainda… Já vimos oq corridas espaciais podem nos proporcionar.

    1. Concordo com o Leonardo… Parece que o mundo é estimulado pela competição. Com os chineses querendo chegar à Lua, os americanos farão de tudo para ir a Marte. Se não o fizerem, os chineses irão primeiro.

      Poderiam trabalhar juntos, mas isso não satisfaz a vaidade dos governantes e dos governados… Apesar da globalização, é o “orgulho nacional” que impera.

Comments are closed.