Astronomia: Top Five do espaço, 2017

Salvador Nogueira

Entre mundos habitáveis e vagabundos interestelares: confira o Top 5 do espaço em 2017.

5. VAGABUNDO INTERESTELAR
A equipe do projeto Pan-STARRS fez em outubro uma descoberta sem precedentes: pela primeira vez viu-se um bólido celeste proveniente do espaço interestelar, apenas de passagem pelo Sistema Solar. O misterioso astro, chamado ‘Oumuamua, tem uma forma incomum, muito alongada, e causou espanto entre os pesquisadores.

4. A ERA DOS FOGUETES USADOS
No dia 30 de março, uma nova era da astronáutica foi inaugurada, quando a empresa americana SpaceX realizou o segundo voo de um primeiro estágio de foguete previamente usado. Espera-se que esse seja apenas o começo de uma revolução tecnológica que deve tornar o acesso ao espaço muito mais barato.

3. SURFE NAS ONDAS GRAVITACIONAIS
Em 17 de agosto, os detectores LIGO, nos EUA, e Virgo, na Europa, captaram as ondas gravitacionais geradas pela colisão de duas estrelas de nêutrons — evento que produziu um sinal luminoso observado também por telescópios ópticos. Foi o início da chamada astronomia multimensageira e um ótimo modo de comemorar o Prêmio Nobel em Física de 2017, dado pela pioneira detecção das ondas gravitacionais, feita dois anos antes.

2. SETE TERRAS E UM DESTINO
Em fevereiro, a Nasa anunciou a descoberta de um sistema planetário a apenas 40 anos-luz de distância que tem nada menos que sete planetas rochosos — e todos eles, em tese, poderiam ter água em estado líquido na superfície. O sistema Trappist-1 será um alvo preferencial para a busca por vida extraterrestre com a próxima geração de telescópios, já a partir de 2019.

1. VIDA LONGA À CASSINI
Após mais de 13 anos estudando o planeta Saturno, seus anéis e suas luas, a sonda Cassini encerrou sua missão em 13 de setembro, num espetacular mergulho na atmosfera do gigante gasoso. No começo do ano, ela havia revelado que o oceano de Encélado, uma pequenina lua congelada saturnina, tem todos os ingredientes para abrigar vida. E, embora a missão tenha chegado ao final, é certo que os dados colhidos permitirão novas descobertas por muitos e muitos anos.

BÔNUS: O QUE MAIS?
Confira alguns dos eventos e descobertas que chamaram a atenção em 2017, mas não conseguiram bater em importância os cinco elencados acima, como a descoberta do buraco negro supermassivo mais distante (e antigo) já visto, a hipótese de que dunas podem explicar sinais tidos antes como de água corrente em Marte, a supernova que insiste em não morrero grande eclipse solar de agosto, a descoberta de um anel no estranho planeta anão Haumea, os resultados da distribuição da matéria escura do projeto Dark Energy Survey, a detecção de um sistema planetário na estrela análoga solar Tau Ceti, a volta de um experimento brasileiro à Estação Espacial Internacional graças ao projeto Garatéa, os primeiros resultados científicos da sonda Juno em Júpiter, o lançamento bem-sucedido do não tão bem-sucedido (até agora) satélite geoestacionário brasileiro, a descoberta de que o Sistema Solar reside num pequeno ‘oásis’ galáctico, as primeiras potenciais chuvas de meteoros identificadas por astrônomos brasileiros, a revelação de que a matéria escura tinha menos influência sobre as galáxias no passado do Universo, a descoberta, pela sonda Dawn, de que Ceres tem criovulcões de água ativos e o indício, obtido por lentes gravitacionais, de que o Universo está se expandindo mais rápido que o esperado.

A coluna “Astronomia” é publicada às segundas-feiras, na Folha Ilustrada.

Acompanhe o Mensageiro Sideral no Facebook, no Twitter e no YouTube

Comentários

  1. Feliz Ano Novo, Salvador.
    Que tenhamos muitas e valorosas descobertas em 2018 e você para publicá-las.
    Muita saúde e felicidades.

  2. Muito curioso um objeto daquela forma alongada entrar na perpendicular do Sistema estinligar tão perto do sol e cruzar a elíptica “próximo” aos 4 planetas internos .

  3. Grande Salva! Boa seleção essa, bem representativa.
    Foi um grande prazer acompanhar seu blog durante todo o ano de 2017.
    Tenha um 2018 com muita saúde, paz e sucesso 🙂
    Abraços!

  4. Feliz Ano Novo, Salvador! Desejo a todos desse blog um ano livre de terraplanistas, ignorâncias, obtusidades e congêneres! Ah
    , e que finalmente as pessoas percebam que eu não existo! 😀

    1. Discordo totalmente. Aliás, esse debate só chegou aqui nos últimos dias de 2017. Tivemos um ano inteiro praticamente livre disso. E 2018 será inteiramente livre disso, por default. 😉

  5. Salvador ,uma pergunta pra te encher o saco, mas na era da fake news a gente fica com o pé atrás até com coisas mais triviais, daí recorro ao blog 😛

    Há realmente estudos sérios a respeito de refrigerantes serem tão vilões da saúde a ponto de causar sérios problemas (até câncer) como sempre é espalhado por aí? Ou é somente o bom e velho açúcar (que os refris não economizam) em excesso que faz (e sempre fez, independente de como é consumido) mal?

    1. É mais o segundo ponto. Esses estudos, por sinal, são feitos mais por correlação estatística. Do tipo, pegam uma tonelada de gente e veem que, no grupo dos que tomam Coca-Cola, mais gente morre do coração, por exemplo. Mas será que é por causa da Coca-Cola ou é por algum outro hábito que os bebedores de Coca-Cola costumam ter em comum? Esses estudos de tal coisa faz bem, tal coisa faz mal são beeeem delicados. O segredo para isso é ter bom senso e não abusar de nada. Qualquer coisa — até ÁGUA — em excesso faz mal. 😉

  6. Salve Salvador. Sabe que o objetivo de vida do Apolinário Messias é te tirar do sério, portanto, ignore. É ignorância não acreditar que possa haver vida em outros corpos e é sufocante a ideia de que um dia paremos de buscá-la(s). Um abraço.

  7. Sem dúvida alguma, a espetacular missão Cassini merece o primeiro lugar. Quanto ao pedregulho interestelar, acho que ele não deveria nem constar na lista, enfim…

    E como o final do ano se aproxima, farei as minhas previsões para 2018.

    Prevejo um ano repleto de (ainda mais) evidências de que a Terra é o único planeta com vida no Universo. Um ano em que a absurda idéia de seres extraterrestres começará a ser definitivamente sepultada.

    Prevejo também mais investidas de Elon Musk no campo da indústria aeroespacial, juntamente com uma maior participação da NASA em projetos de interesse comercial.

    Prevejo ainda que as tolas tentativas de se procurar aliens pelo Universo serão seguidas por mais fracassos e retratações.

    😛

    1. …acrescento ainda que o Mensageiro Sideral continuará a ser um importante espaço para a divulgação das realizações da ciência espacial…

    2. Noves fora suas opiniões pessoais, que não merecem nem um comentário (uma vez que a ciência não dá a mínima para opiniões pessoais, sejam de quem for), queria fazer uma observação sobre o ‘Oumuamua. Você erradamente (e só por causa da sua obsessão particular com o tema) acha que o vagabundo interestelar só foi interessante pela chance de ser um artefato alienígena. Na verdade, ele é tão interessante sendo natural quando seria sendo artificial. Com ele, começamos o estudo próximo de objetos resultantes da formação planetária em outras estrelas, e disso podem resultar muitos dados interessantes sobre o ambiente em que objetos como esse são formados. E pode apostar que o 1I foi só o primeiro. Mais deles devem despontar pelo Sistema Solar nos próximos anos, e agora que temos tecnologia para detectá-los, faremos muitas outras observações, que ajudarão a elucidar aspectos não só desses objetos em si, mas dos locais em que foram originados. É quase como uma série de missões de “retorno de amostras” de objetos vindos de outros sistemas planetários. É absolutamente fascinante.

      E, para provar que esse interesse não passou despercebido pelo Mensageiro Sideral, mas só pelo bitolado anti-vida alienígena, listo aqui os 5 links sobre o ‘Oumuamua no blog:

      http://mensageirosideral.blogfolha.uol.com.br/2017/10/25/astronomos-encontram-cometa-interestelar/
      http://mensageirosideral.blogfolha.uol.com.br/2017/11/13/astronomia-oumuamua-o-vagabundo-interestelar/
      http://mensageirosideral.blogfolha.uol.com.br/2017/11/20/objeto-interestelar-e-diferente-de-tudo-que-ja-se-viu-no-sistema-solar-diz-estudo/
      http://mensageirosideral.blogfolha.uol.com.br/2017/12/13/cientistas-transmitem-musica-para-ets-e-escutam-objeto-interestelar-para-o-caso-de-ele-ser-uma-nave/
      http://mensageirosideral.blogfolha.uol.com.br/2017/12/18/astronomia-na-escuta-do-oumuamua/

      Note que apenas os dois últimos versam sobre SETI. E mesmo nesses fica explícito no texto que MUITO PROVAVELMENTE o ‘Oumuamua não é um objeto artificial. Ou seja, quem sonha, dorme e acorda com homenzinhos verdes é você, não eu.

      Que em 2018 você aprenda a distinguir entre fatos e convicções pessoais. Já não é sem tempo.

      Bom ano novo!

        1. Parece que ele quis dizer “versam” (presente do indicativo do verbo “versar”).
          É preciso dar um desconto, ele anda muito agitado…

        2. Agora vi a que você se refere. Obrigado, estou corrigindo. Como o Apolinário apontou, estou muito agitado. 31 de dezembro, 1h31 da manhã, e estou trabalhando ainda. E ainda farei mais coisas antes de declarar o ano encerrado. Sacomé, por isso não tenho tempo de ficar enchendo o saco dos outros em blogs criacionistas e/ou terraplanistas. Eu trabalho. 😛

      1. “Você erradamente (…) acha que o vagabundo interestelar só foi interessante pela chance de ser um artefato alienígena.”

        Por favor, mostre alguma frase em meus comentários que possa sugerir isso que você afirma. Vai ser difícil encontrar. Todas as minhas opiniões sobre o tema eram exatamente uma crítica a quem pensava que se tratava de um artefato alienígena (coisa que eu descartei de imediato) e a quem tentava algum tipo de “comunicação” com o pedregulho espacial.

        1. “Quanto ao pedregulho interestelar, acho que ele não deveria nem constar na lista, enfim…”

          Daí depreendemos que você o achou desinteressante. E, se achou desinteressante, é porque NADA do que foi dito ou descoberto sobre ele lhe pareceu interessante. O que mostra que, para você, ele só poderia ser interessante se fosse algo que de fato não é — e a única coisa que ele poderia ser e muito provavelmente não é é uma espaçonave alienígena. Eis aí o seu vício mais uma vez se manifestando, ainda que por vias tortas, no seu comentário.

          Se você tivesse dito que “o pedregulho interestelar foi bem interessante”, poderíamos tentar acreditar que você não tem ideia fixa por aliens. Porque, como todos nós sabemos, o pedregulho interestelar muito provavelmente não tem mesmo conexão com aliens, e mesmo assim você o teria achado interessante.

          1. Sua resposta é um claro exemplo de uma falácia lógica conhecida como “causa falsa”. O fato de eu considerar o pedregulho desinteressante, não implica que eu o acharia interessante se ele fosse alienígena. O Sol não nasce porque o galo canta…

          2. Isso realmente não é importante. O importante é que você o achou desinteressante, *mesmo desconsiderando a hipótese alienígena*. O que nos deixa só com duas hipóteses: ou (1) você tem tamanha obsessão por aliens que só o fato de haver uma possível conexão já faz você desprezar tudo que há de confirmadamente interessante no objeto, ou (2) você não entende nada de ciência e só entende de ficar “refutando” vida extraterrestre com base em lendas escritas por camponeses há 3 mil anos. Provavelmente as duas coisas. 😉

    3. É engraçado, o Apolinário acredita que realmente está contribuindo com a discussão sobre ciência ao defender a sua tese de que vida alienígena inexiste, fazendo-o com base em suas convicções religiosas e bíblicas, de que a Terra é a obra prima de seu Deus e portanto, única.

      Ele até tenta simular algum interesse legítimo na ciência. A verdade, é que ele espera inutilmente que ciência venha a confirmar os seus dogmas religiosos.

      Não se faz ciência com base em dogmas religiosos, aliás a ciência tende a desmistificar todos eles.

  8. Feliz 2018 a todos.
    Obrigado Salvador por compartilhar seus conhecimentos, suas ideias e o seu tempo para falar sobre ciência.
    O seu trabalho é importantíssimo em um país onde o nosso governo abandonou a educação, ciência e..
    Que 2018 seja um ano bem melhor que 2017 em todos os aspectos.
    Saúde, paz e amor.
    Bom fim de ano e um excelente 2018.

  9. O futuro da ciência auguram novos horizontes!

    Este ano foi maravilhoso, especialmente para os leitores do Mensageiro Sideral, que puderam compartilhar com os comentários referentes a matéria do Salvador.

    2018 será um ano muito mais importante, haja visto o lançamento do maior e mais potente foguete já construído pelo Homen, o Falcon Heavy no início, e do telescópio espacial James Webb no final do ano.

    Parabéns Salvador, pelo trabalho e pelo sucesso deste blog!

  10. Ótimas escolhas Salvador. Parabéns por mais este ano de grandes conquistas.
    2018 será melhor ainda e estaremos juntos. Abraços.

  11. Que ano incrível para astronomia! Em 2018 contamos com vc para nos presentear com informações desse nível. Parabéns Salvador por fazer do Mensageiro Sideral um blog tão cativante e imprescindível. Feliz Ano novo externado para toda à família.

    Abcs…

  12. Salvador, excelente seleção de videos para fechar 2017.
    Parabens!!!

    Tenho certeza que 2018 será um ano de grandes novidades e emoções nesta área, com a divulgação de arquivos americanos sobre o fenômeno UFO e novos dados sobre exoplanetas.

    Esse sistema trappist 1 vai dar o que falar.

  13. Off topic

    Obrigado Dr. Salva,
    Voçe continua sendo ô cara. Parabéns e continue sempre assim.
    Bom natal e um ano novo repleto de saúde e trabalho para vc e para os seus.
    Mensageiro Sideral, cada vez melhor.
    Independentemente dos terraplanistas e correlatos.
    Vida longa e próspera.

  14. Olá Salvador. Vc poderia consultar a sua bola de cristal e fazer uma listagem de predições para 2018. Festas felizes

  15. Salva, parabéns por mais um ano brilhante de trabalho. Tenha certeza que seus posts foram o melhores da internet. É uma lista difícil de escolher para o top 5 mas sua escolha foi poderosa e a melhor possível, fato esse demonstrado pela Cassini no top one. A Cassini mexeu como meu coração. É uma grande alegria fazer parte desta comunidade e espero que você continue com esta força para passarmos mais um ano. Tenha um bom ano e seja feliz em 2018.

Comments are closed.