Uma nova, chuva de meteoros do Halley, conjunção e Urano em destaque: o céu de outubro de 2016

O mês de outubro está cheio de eventos celestes para observação, a começar por uma nova que detonou na constelação do Lobo no fim de setembro e ainda deve ser visível no começo do mês, com binóculos. Há também a tradicional chuva de meteoros das Orionídeas, uma conjunção entre Mercúrio e Júpiter nas primeiras horas da manhã e o planeta Urano em sua máxima aproximação anual da Terra.

Acompanhe o Mensageiro Sideral no Facebook, no Twitter e no YouTube

Comentários

  1. Na madrugada de ontem 23/10 eu estava observando e vi vários meteoros – estrelas cadentes – no prazo de 30 minutos mais ou menos – entre 04:00 e 04:30 – eu contei 6 ou 7 – teve um muito grande que passou na linha NE/SO – agora há pouco eu fiquei observando por uns 15 minutos mas não vi nenhum – no mês de novembro do ano passado eu observei os PERSEIDAS (???) e neste ano também ocorrerá o mesmo fenômeno (???) e com relação aos LEONÍDEOS (???) como será nos próximos dias – agora o tempo está com nuvens na região onde estou morando – SO do Estado de são Paulo – Região de Ourinhos-SP – divisa com o Estado do Paraná – Abraços

  2. Salvador, desculpa entrar em outro assunto, mas…. é possível que próxima B seja todo coberto por ocenano se tiver um órbita travada?

  3. Salvador, com uns 500 ~700 reais eu compro um telescópio de qualidade? Pra ver pelo menos os ‘riscos’ de Júpiter, talvez umas luas, e os anéis de Saturno?

    Ou pra isso vou ter que investir mais?

    já pesquisei e vi que tem uns baratos muito ruins…. mas tenho medo de investir um pouco mais e também ser ruim….

    1. Olha, dá pra comprar alguma coisa desse naipe por essa faixa de preço, mas tem coisa — como os anéis de Saturno — que vai ficar no limite. Para ver as luas e as faixas de Júpiter, dá pé tranquilo.

    2. Olha, sem querer desanimar, mas a experiência com telescópios baratos é frustante.
      Estamos acostumados com as belas imagens de telescópios por aí, e mesmo as fotos amadoras bonitas os cara usam telescópios bem caros e usam muito software para tratar as imagens.
      Com telescópio pequeno vc até vera Júpiter, mas será uma bolinha bem pequena e outros objetos não serão atrativos. A Lua é legal de ver, mas com o tempo acaba cansando.

      Não sei quanto pretende gastar, mas no eBay vc encontra telescópios usados até q “baratos”.
      Tem modelos da Celestron Nexstar de 4 polegadas ótimos para iniciar, uma vez alinhados seguem o movimento do céu, tem sistema GoTo, entre outros recursos.
      Claro que quanto maior a abertura melhor, mas o preço também sobe, depende do seu bolso.
      Ah, no eBay é em dolar e cuidado com o valor do frete e a taxa de importação q pode dobrar o valor.

  4. Falando em céu, noto que nas fotos de Marte que a Nasa disponibiliza a cor do céu é meio avermelhada e nas fotos da Lua o céu é preto. Essa diferença é por causa da posição do Sol em relação a foto ou por causa que em Marte ainda tem um resto de atmosfera ou é só impressão?

    1. Luiz, o céu de Marte é meio avermelhado porque, além da presença de uma atmosfera (que, a rigor, deixaria o céu azul, como o nosso), tem muita poeira vermelha suspensa no ar. O céu da Lua é escuro porque não tem atmosfera. Todas aquelas fotos de astronautas na Lua foram tiradas durante o dia lunar — o Sol estava lá. Mas, sem atmosfera para espalhar a luz, o céu fica escuro o tempo todo.

    1. Acho que você não viu direito. Tem uma conjunção de Mercúrio com Júpiter — os dois se encontram no céu — no dia 11, e no dia 15 temos a oposição de Urano.
      Astrologia é só astronomia antiga com um monte de groselha junto. rs

  5. Legal! O grupo BRAMON que monitora os céus do país já está registrando os primeiro Orionídeos dessa temporada, espero que esse ano essa chuva seja de forte atividade.

  6. Olá Salvador. Você tem alguma informação acerca da análise do sinal ID 164595 que seria discutido em Guadalajara há pouco no final de setembro? Abraço!

    1. Walmir, é provavelmente um satélite militar. Não há nada de novo. O pessoal da SETI segue escutando a estrela de onde ele pode ter vindo, mas sem resultados…

  7. Show de bola, Salvador! Faltou só mencionar sobre o alinhamento dos planetas, Hercólubus em Peixes e o arrasto do Sol 😛
    Excelente post, como de costume.

Comments are closed.